Esse blog foi e está sendo criado para apoiar o meu aprendizado de alemão. Não proponho método nenhum, até porque, não sou professora. Só quero compartilhar algumas dicas que, acredito, facilitam o entendimento dessa língua difici.

domingo, 10 de outubro de 2010

Ditados Populares Alemães - Parte 02

Os provérbios e ditos populares fazem parte da tradição oral de um povo e refletem sua mentalidade. O Guia de Gramática Prática Michaelis reuniu alguns dos mais comuns na língua alemã, junto com seu correspondente em português ou, em alguns casos, uma tradução aproximada.

Fonte: O Guia de Gramática Prática Michaelis

Liebe ist die beste Medizin. (O amor é o melhor remédio.)

Lügen haben kurze Beine. (A mentira tem pernas curtas.)

Man soll den Tag nicht vor dem Abend loben. (Não se deve louvar o dia antes que chegue a noite.)

Mit großem Herren ist nicht gut Kirschen essen. (Não se deve brincar com os poderosos.)

Nach getaner Arbeit ist gut ruhn. (Trabalho feito, descanso merecido.)

Neue Besen kehren gut. (Vassouras novas varrem bem.)

Probieren geht über Studieren. (Experimentar é melhor que estudar.)

Reden ist Silber – Schweigen ist Geld. (Falar é prata, calar é ouro.)

Schlafende Hunde soll man nicht wecken. (Não se deve acordar o cão adormecido.)

Steter Tropfen höhlt den Stein. (Água mole em pedra dura tanto bate até que fura.)

Überall wird mit Wasser gekocht. (Em toda parte se cozinha com água. / Em toda parte é igual.)

Viele Koche verderben den Brei. (Muitos cozinheiros [trabalhando junto] estragam o mingau)

Voller bauch studiert nicht gern. (Barriga cheia não gosta de estudar.)

Was ein Häckchen Werden will, krümmt sich bezeiten. (É de pequenino que se torce o pepino.)

Wem nicht zu raten ist, dem ist auch nicht zu helfen. ( Quem não ouve conselhos não precisa de ajuda.)

Wenn zwei sich zanken, freut sich der Dritte. (Quando dois brigam, o terceiro fica contente.)

Wer ernten will, muss säen. (Quem quer colher deve semear.)

Wer nicht hören will, müss fühlen. (Quem não quer ouvir tem de sentir.)

Wer zuerst kommt, der mahlt zuerst. (Quem chega primeiro come primeiro.)

Wer zuletzt lacht, lacht am besten. (Quem ri por último ri melhor.)

Wie du mir – so ich dir. (Olho por olho, dente por dente.)

Wo Rauch ist, muss auch Feuer sein. (Onde há fumaça, há fogo.)

Wohltun tr6agt Zinsen. ( A bondade rende juros.)

Zeit ist des Zornes Arznei. (O tempo é o remédio da ira.)

Zeit ist geld. (Tempo é dinheiro.)

Kibei do Ausländer

5 comentários:

Néia (Dulci) disse...

A língua alemã é uma das mais difíceis na minha opinião, embora traga uma beleza na sua pronúncia que a torna inigualável a qualquer outra.
Um abraço

Felipe Montagnana Antunes disse...

Hallo Leute !!!

Eve, glórias a Deus pela sua vida !!! Tem me ajudado muito a aprender esta língua tão estranha.

Tenho uma dúvida:

Pq nesta frase "Der Vater lehrt seinen Sohn lesen. (O pai ensina o seu filho a ler)." seinen está na sua forma akkusativa e näo no Dativo? Visto que o pai ensina a quem? a seu filho.

ou seja, será que existem alguns verbos que sempre pedirão akkusativ ?? ou, o ZU (omitido no final da frase - zu lesen -) pede obrigatoriamente o akkusativ ????

muito obrigado,

felipe

Eve disse...

Felipe,

Eu não estou certa quanto a responder a sua dúvida no momento. Vou pedir a explicação direitinho e depois te digo.
O que posso dizer é que nem sempre o verbo em alemão, corresponde à declinação (obj direto ou indireto) em português, como é o caso do verbo Fragen que, em alemão, é acusativo, enquanto o vergo Sagen é dativo.
Bjs!

Felipe Montagnana Antunes disse...

Eve, já procurei saber ....

"Der Vater lehrt seinen Sohn lesen. (O pai ensina o seu filho a ler)."

Traduzindo lieralmente para o português, seinen estaria na sua forma dativa pois somos inclinados a perguntar "a quem o pai ensina ?"
MAS, no alemão não ! o verbo está no acusativo pois o pai ensina alguém, e não A ALGUÉM.

é o mesmo caso que você citou: SAGEN...
obrigado,
Viele Grüße,
bjo,

felipe
montagnana_antunes@hotmail.com

Eve disse...

Oi Felipe, obrigada por voltar aqui para nos informar.
Confesso que esqueci de dar a resposta aqui... rsrs
Fiquei meio distante do alemão esses dias. Acho que deu pra perceber. rs

Bjs!